× Fale Conosco

Solicite um orçamento sem compromisso!

Enviar via
Ou ligue para (41) 3677-1383
Se preferir, ligue para nós! Ligar agora!
Clique aqui para falar conosco!
×
× Envie-nos um E-mail




8 conselhos para viver a felicidade na terceira idade

A população mundial está cada vez mais grisalha e esse fenômeno natural está fazendo com que homens e mulheres estejam em busca de alternativas para envelhecerem mais dispostos e felizes.

Para desfrutar dos prazeres proporcionados pela terceira idade, é preciso que a pessoa aceite as mudanças físicas e psicológicas impostas pelo envelhecimento natural e ainda assim continue se amando, se cuidando e tendo disposição para buscar alternativas para viver a felicidade.

O Brasil já conta com mais de 30 milhões de idosos e a expectativa é que esse número triplique nos próximos 20 anos. Esse envelhecimento populacional faz com que o Estado seja obrigado a criar políticas públicas que garantam a saúde e o bem-estar da população idosa brasileira.

Entre essas políticas podemos destacar o direito à gratuidade nos transportes públicos, prioridade em filas e programas de incentivo aos estudos na terceira idade.

No entanto, o novo olhar para o envelhecimento natural não deve ser um compromisso apenas firmado pelos governantes, ele deve ser antes de qualquer coisa, um compromisso particular de cada um.

Por conta disso, listamos 8 conselhos para viver a felicidade na terceira idade para você, que já passou dos 60, consiga viver essa fase da vida da melhor forma possível:

1) Exercite seu cérebro com passatempos:

O cérebro precisa ser constantemente estimulado para criar novas conexões neurais, portanto, realizar atividades que estimulam a memória e o raciocínio é importante para viver feliz na melhor idade.
Além de evitar o declínio cognitivo decorrente do processo natural de envelhecimento, atividades como jogos de tabuleiro, palavras cruzadas, jogos de memória e aulas de música são consideradas ótimas alternativas para manter o cérebro sempre ativo.

2) Curse aquela tão sonhada graduação:

Atualmente várias instituições possuem programas de incentivo ao aprendizado na terceira idade.

Se você já chegou à melhor idade e deseja realizar o sonho de ingressar em uma universidade, saiba que a USP (Universidade de São Paulo) possui o Programa Universidade Aberta à Terceira Idade.

Outra grande universidade brasileira que oferece programas de estudo voltados à terceira idade é a PUC (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo). Em seu programa, chamado de “Universidade Aberta à Maturidade”, a instituição de ensino oferece aos alunos da melhor idade aulas nas quais são trabalhados assuntos relacionados ao envelhecimento em seus vários aspectos.

3) Mantenha seu corpo em movimento!

A prática regular de atividades físicas é importante em todas as fases da vida, mas, na terceira idade ela se torna essencial para a vitalidade do corpo e da mente.

Os exercícios físicos fortalecem os músculos, oferecem maior flexibilidade articular e evitam uma série de doenças comuns na terceira idade, como a hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e diabetes.

As atividades físicas também são benéficas para o psicológico do indivíduo, pois liberam endorfina e serotonina, substâncias reguladoras do humor e do prazer. A produção dessas substâncias combate a depressão, ansiedade, regula o sono, melhora a disposição física e mental do mais velho.

Para garantir uma velhice feliz e ativa, você pode se matricular em uma academia, fazer caminhas, andar de bicicleta, nadar, enfim, tudo isso contribui para que você se sinta feliz e disposto, mesmo já tendo passado dos 60 anos.

4) Procure interagir com pessoas de outras gerações:

A interação social com pessoas mais jovens deixa os idosos mais atualizados e informados sobre diversos assuntos, principalmente os relacionados à tecnologia. Em contrapartida, os idosos oferecem experiência de vida e muita informação interessante aos mais novos.

Essa troca de experiências é altamente recomendável para a galerinha da terceira idade, pois eles se sentem mais úteis e inseridos em uma sociedade cada vez mais moderna.
Essa relação intergeracional deixa os mais velhos mais à vontade para participar de várias atividades com pessoas mais jovens, como frequentar uma academia de ginástica ou voltar às salas de aula.

5) Evite o cigarro e as bebidas alcoólicas:

Maus hábitos com tabagismo e a ingestão de bebidas alcoólicas contribuem para diversas doenças, inclusive as respiratórias e as cardíacas. Portanto, esses vícios não devem ser praticados pelos idosos.
Mas, se esses hábitos prejudiciais à saúde já fizerem parte da rotina dos mais velhos, deve-se estimular o abandono de tais vícios. Para isso, o idoso pode procurar por ajuda médica e psicológica.

6) Use a sua aposentadoria para realizar sonhos:

Sabe aquele sonho de cursar uma graduação ou viajar por aí que você sempre adiou por causa da família ou do trabalho? Pois é, ele pode ser realizado agora, na terceira idade.

A melhor idade pode até ter levado um pouquinho do seu vigor físico, mas, te trouxe algo como recompensa: a experiência de vida e tempo para realizar os seus sonhos.

Portanto, utilize o dinheiro da sua aposentadoria com sabedoria: invista em você, nos seus projetos de vida, permita-se ser feliz na terceira idade fazendo o que gosta, como gosta.

E lembre-se sempre: os sonhos não morrem e nem envelhecem. Mesmo que não seja possível dar a volta ao mundo, faça uma pequena viagem ou excursão para algum destino turístico mais próximo, convide um familiar para um fim de semana na serra ou na praia….
…enfim, todas as alternativas são válidas para manter os idosos felizes, motivados e mais dispostos.

7) Perdoe os outros:

Você já se deu conta do quanto a vida é curta para desperdiça-la guardando mágoas e rancores de alguém?

E mais: já parou para pensar que enquanto você não libera o perdão, é você quem sofre com toda essa situação?
Enquanto você não fizer as pazes com o seu passado, você não conseguirá ser feliz no presente. Portanto, se você deseja curtir a melhor fase da vida mais leve, tranquilo e feliz, ofereça o perdão.

8) Dê mais atenção a sua família:

A família é um verdadeiro presente de Deus e deve ser priorizada acima de qualquer coisa.
“Seu trabalho não cuidará de você quando você ficar doente. Seus amigos e familiares cuidarão. Permaneça em contato com eles.” Regina Brett